Escape Game
[ September 13, 2019 by admin 0 Comments ]

Entenda como funciona um Escape Game

E

Uma sala fechada e vários enigmas para serem desvendados pelos participantes. Esse é o mote principal de um dos jogos mais procurados dos últimos tempos, mas afinal como realmente funciona um escape game? 

Reunindo pessoas por pura diversão ou até com objetivos empresariais, os escape games ou jogos de fuga são basicamente desafios mentais em um cenário fictício de total imersão. Eles atraem participantes de várias idades dispostos a uma boa aventura. 

Ao longo do post vamos explicar em detalhes porque os jogos de fuga são tão interessantes.  

Como funciona um escape game

O jogo tem como ideia básica fazer com que um grupo de jogadores resolva um mistério específico. Enquanto o segredo não é desvendado todos ficam presos em uma sala cenográfica

O cenário pode variar bastante, indo desde um quarto mal assombrado ao esconderijo de um serial killer ou uma estação espacial. De acordo com a temática os desafios também variam. 

Para resolver o enigma principal é preciso atenção em cada pista apresentada, mas não é só isso. Tudo precisa ser feito em um tempo cronometrado, geralmente em torno de 60 minutos.  

Realidade X Virtual: o surgimento dos escape games 

Os jogos de fuga surgiram baseados em games virtuais do tipo escape the room, que são basicamente programas point and click nos quais você precisa utilizar somente os objetos de uma sala para atingir o objetivo final, que no caso é fugir do local onde está preso. 

As produções para a internet se tornaram populares no fim da década de 1990 e início dos anos 2000. A partir daí os japoneses — criativos como são —resolveram testar a ideia na vida real. Então, em 2007 surgiu o primeiro protótipo do espaço, localizado na cidade de Kyoto. 

A popularidade só fez crescer e se espalhou pelo mundo. Atualmente mais de 50 países, incluindo o Brasil, têm espaços do gênero. 

Estrutura de uma empresa de escape game

A estrutura de um escape game funciona basicamente dividida em salas, cada uma com ambientação e enigmas diferentes. 

As salas são equipadas com câmeras de vídeo pelas quais a equipe do lugar consegue acompanhar a movimentação dos jogadores, de modo a ver como está o desenvolvimento dos enigmas e verificar possíveis problemas. 

Dentro de cada quarto também há um botão para ser utilizado caso os participantes desistam do jogo e queiram sair antes do tempo determinado. 

Que comecem os jogos

Participar de um escape game é bem simples. O primeiro passo é reunir sua equipe. O número mínimo de jogadores é dois e o máximo varia de seis a dez participantes, dependendo do lugar. 

Com isso definido é só escolher a sala em que quer jogar. Assim que entrar no ambiente serão repassadas as instruções do jogo e o local será trancado. É aí que a emoção começa. 

Quem pode participar?

Quando surgiram, os jogos eram voltados para maiores de 18 anos, pois traziam geralmente uma temática envolvendo terror e assassinato. Atualmente crianças, adultos e até vovós e vovôs se aventuram na brincadeira. 

Os desafios

Os desafios são o ponto principal em qualquer jogo de fuga. Eles podem ser puzzles, enigmas, envolver problemas matemáticos, raciocínio lógico, inteligência criativa e uma série de outros aspectos. 

Cada objeto na sala pode ser uma pista que leva a solução final do mistério, você só precisa juntar as peças e visualizar além do óbvio

Os escape games funcionam como um desafio mental e é preciso pensar bastante para conseguir sair dentro do tempo estipulado e vencer o jogo. A maioria dos grupos não consegue fazer isso. 

Diversão X Encontro organizacional

A ideia principal dos escape games é funcionar como uma opção de entretenimento diferente. Crianças podem vir com os amigos ou famílias podem se reunir para um momento divertido. 

Além desse viés, o local está sendo bastante procurado por empresas, seja para treinamentos, dinâmicas de grupo ou confraternizações. O ponto é que os jogos de fuga ajudam funcionários e gestores em vários aspectos. Eles trabalham interação, liderança, controle emocional, ajuda mútua, entre outras coisas. 

Onde jogar 

Aqui em Belo Horizonte uma opção interessante para viver a adrenalina dos escape games é a BH Escape. O local conta com três opções de sala com histórias de investigação e aventura e ainda existe a possibilidade de criar enredos específicos para grupos empresariais. 

Além da variedade, a BH Escape possui um ótimo custo benefício, com valores a partir de R$ 35,00 por pessoa. 

Agora que você já sabe como funciona um escape game, é só reunir seu grupo e vir correndo viver essa aventura. 

Inscreva-se na nossa newsletter e não perca nenhum conteúdo interessante.

Escape Game
[ August 7, 2019 by admin 0 Comments ]

Benefícios dos Jogos de Escape

Os escape games, jogos de escape ou jogos de fuga, são uma tendência no Brasil. Em um formato dinâmico, que mistura ação, raciocínio lógico e mistério, eles surgiram inspirados nos videogames e tem diversos benefícios, seja relacionado ao lazer ou para o mundo organizacional. 

Confira a seguir alguns dos benefícios dos escape games:

1. Melhora as relações interpessoais

Nos escape games os participantes precisam trabalhar juntos para conseguir atingir um objetivo, que é resolver o enigma da sala. 

Para que isso ocorra cada um precisa trocar ideias, sugerir alternativas para a resolução dos enigmas e analisar pistas. A comunicação é incentivada e torna-se muito mais fácil descobrir o mistério no tempo estimulado. 

Além da colaboração, os jogadores compartilham emoções, afinal a tensão para conseguir vencer o desafio é conjunta e cada vitória é comemorada por todos. 

2. Aumento da concentração e do raciocínio

Os participantes têm, em média, uma hora para conseguir vencer um escape game. São objetos escondidos para procurar e desafios a resolver nesse curto espaço de tempo. 

A mente começa a trabalhar ao máximo para obter as respostas necessárias e é preciso estar focado em cada detalhe. Se uma peça não for encontrada, o jogo inteiro pode travar. 

Isso estimula o raciocínio lógico e condiciona o cérebro a estar 100% envolvido na atividade. 

Nesse momento torna-se mais fácil aprender. Então se o gestor de uma empresa quiser fazer um treinamento de vendas com a equipe dentro de escape game, por exemplo, a resposta à atividade será mais alta do que em um formato tradicional. 

3. Desenvolvimento da criatividade

Assim como os desafios exigem concentração e raciocínio lógico, eles despertam a criatividade. Muitas vezes, a resposta para um problema não está visível e é preciso fazer o link com outro objeto da sala, por exemplo. 

Nesse momento os jogadores saem da zona de conforto e precisam imaginar alternativas para que consigam sair vitoriosos da sala. 

Essa abertura a novas ideias é essencial na vida cotidiana, seja no trabalho, na faculdade ou mesmo na escola. 

4. Trabalha o autocontrole e as emoções 

Os participantes precisam trabalhar contra o relógio para conseguirem finalizar um escape game. Isso por si só gera um pouco de tensão e ansiedade. Soma-se a esses fatores o ambiente de cada cenário: alguns despertam o senso de aventura e outros, o medo. 

Por ser um jogo imersivo, todas as emoções afloram com mais intensidade. Sendo assim, os participantes precisam trabalhar tudo aquilo que estão sentindo. 

Em primeiro lugar é preciso aprender a ter autocontrole. Todos estão trabalhando sob pressão, mas manter a calma é essencial para resolver as pistas e desvendar o mistério dentro do tempo estipulado. 

Dentro do cenário dos escape games também fica mais fácil extravasar as emoções que no cotidiano muitas vezes são reprimidas. É possível expressar frustração por uma charada difícil, alegria pela ajuda de um dos colegas de time e euforia por vencer o desafio.     

5. Garante uma sensação de bem-estar

Cada vez que um dos jogadores consegue superar um quebra-cabeça ou descobrir uma nova pista e isso gera uma sensação de superação e conquista. O cérebro processa endorfinas e ocorre uma sensação de relaxamento e bem-estar. 

O formato divertido e fora do comum dos escape games por si só promovem alegria e descontração. Aquele momento é uma maneira de entrar em um mundo novo, sair da realidade e encarar um ambiente onde tudo é possível. 

Agora que você já conhece um pouco mais sobre os escape games e viu os benefícios que eles proporcionam, nada melhor do que formar uma equipe e partir para o desafio. A BH Escape tem três opções de salas que garantem muita diversão. 

Se você quiser receber mais conteúdos interessantes sobre jogos de escape não deixe de assinar nossa newsletter.